21/11/2016

Filmes: Nerve


Título: Nerve - Um Jogo Sem Regras
Direção: Ariel Schulman e Henry Joost
Ano de Lançamento 2016
Gênero:Mistério, Policial, Thriller
Elenco: Dave Franco, Emily Meade, Emma Roberts, Miles Heizer e Machine Gun Kelly
Sinopse: Uma garota, prestes a sair do ensino médio e sonhando em ir para a faculdade, decide participar de um jogo online: verdade ou consequência, um jogo onde todos os seus passos e atos são vistos e manipulados por uma comunidade anônima de hackers.


"Nerve - Um Jogo Sem Regras" é um filem baseado no livro homônimo de Jeanne Ryan e narra a história de Vee (Emma Roberts). Venus, conhecida pelos amigos como Vee, é uma tímida garota do ensino médio, que se destaca fazendo fotografias e pretende entrar em uma faculdade de artes se conseguir dinheiro suficiente para pagá-la. Depois de ser rejeitada pelo rapaz de quem gosta e cansada de ser ofuscada pela chamativa melhor amiga Sydney (Emily Meade), Vee decide participar do jogo apresentado por sua amiga, o qual concede dinheiro àqueles que cumprirem os desafios propostos. Todos estão viciados em Nerve, seja como jogadores ou como espectadores. E quanto mais difícil, maior a recompensa, e mais difícil de resistir ao chamado.

O primeiro desafio de Vee a leva a conhecer Ian (Dave Franco), um rapaz bonito com um passado obscuro e que está mais envolvido no jogo do que parece. A química entre os dois é imediata, animando o público de Nerve. Com o intuito de crescer no jogo e ganhar posições, Vee e Ian formam uma dupla aparentemente imbatível, o que gera a inveja de Sidney e Ty (Machine Gun Kelly), um dos mais fortes jogadores. O problema é que quanto mais se aproximam da disputa final, mais Vee descobre sobre a verdade sombria deste jogo. E falar a verdade pode ser um pecado fatal.

Durante o filme vemos a protagonista se libertar do estereótipo de menina tímida e tornar-se uma aventureira, embarcando não somente em um jogo, mas também em um romance com seu parceiro. A química entre Vee e Ian não se restringe à visão dos personagens espectadores, mas também aos espectadores do filme, o que deixa a história atraente.

Ainda que nada seja muito aprofundado na adaptação - enredo ou personagens - é possível gostar suficientemente da obra, sobretudo por seu ritmo elétrico. A cada desafio, imagina-se como ele será cumprido ou mesmo se os personagens conseguirão realizá-lo. E por mais animador que seja, todos sabem que existe algo de obscuro no entretenimento, o grande mistério do filme. Nerve é programado para não ser combatido, para ser uma realidade universal e impessoal. Então, como finalizar uma obra com um antagonista tão abstrato?


"Nerve" é um filme de ação - consta na classificação como thriller, mistério e policial, mas não creio que estes gêneros se encaixem bem na obra - que prende o espectador do início ao fim. Não possui um enredo excepcional ou com grandes reflexões, mas entretém o suficiente, sobretudo por apresentar boas imagens e uma maravilhosa trilha sonora. A história, que poderia ter sido aprofundado em um grande reflexão social - trazendo um pouco da crítica vista em "Black Mirror", por exemplo - foca mais no entretenimento, nas aventuras de Vee e Ian e na loucura daqueles que assistem o desenrolar doas fatos clamando por perigos que colocam em risco a vida dos que assistem. Ainda assim, é uma boa opção para quem gosta de filmes mais adolescentes, envolvendo ação e tecnologia.


Nenhum comentário:

Postar um comentário