20/03/2017

Resenha: Rock Star

Título: Rock Star
Autor(a): S.C. Stephens
Editora: Valentina
Páginas: 512
Ele é intenso, complicado e perigoso. Ele é demais! O único lugar onde Kellan Kyle sempre se sentiu em casa foi no centro de um palco. Tocando guitarra num bar escuro, ele consegue esquecer o passado doloroso. Nos últimos tempos a sua vida se resume em três coisas: música, seus companheiros de banda e intensos encontros sexuais. Até que uma mulher muda tudo... Kiera é o tipo de garota que Kellan jamais deveria desejar -- ela é inteligente, doce, e também a namorada do seu melhor amigo. Convencido de que nunca conseguirá merecer o amor dela, ele esconde a sua crescente atração... até que o coração atormentado de Kiera oferece a Kellan algumas pistas de que os sentimentos dele podem ser correspondidos. Agora, não importam as consequências, Kellan tem uma certeza: não vai deixar Kiera escapar sem lutar por ela. Em Intenso Demais, Kiera contou sua história. Agora é a sua vez ouvir a versão pela boca do “rock star” sexy que cativou fãs do mundo inteiro.
Sempre tive bastante curiosidade para conhecer a trilogia Rock Star lançada pela Valentina nesses últimos anos. Li algumas resenhas e por se tratar de um new adult e ter uma banda de rock envolvida eu acreditei que a minha identificação com a história seria imediata, mas infelizmente o que aconteceu de verdade ao longo da leitura de Rock Star (a história do primeiro livro contada sob a perspectiva de Kellan) foi uma Silviane inconformada.


Sim, é um triangulo amoro antes que eu tenha que dizer qualquer coisa sobre a história. E sim, é meloso. E na maior parte do tempo chato. Por se tratar de personagens com +20 anos eu achei que a maturidade deles seria muito maior que o foi mostrado pela autora. Principalmente se tratando do narrador, que passou por tanta coisa ao longo da vida e obviamente precisou amadurecer mais cedo para lidar com tantos problemas da vida. Mas o que temos é um homem de 21 anos, vocalista de uma banda de rock e que usa de sua boa aparência para se dar bem com as mulheres até conhecer aquela que ele acaba eventualmente se apaixonando e ai ele fica um bobão a ponto de aceitar as coisas mais absurdas em nome de "amor" que ele sente. E sim, isso significa que eu não gostei de Kellan Kyle como a maioria das leitoras gostam. Além de tudo isso que eu falei ele ainda tem atitudes machistas quando fazia questão de chamar Kiera de piranha e vagabunda (e eu não to defendendo ela, pois realmente achei a atitude dela durante o livro ridícula mas já já falo sobre isso) quando ela o magoava de alguma forma. Eu sei que leitura pode trazer várias interpretações para as leituras, mas então eu to expressando a minha diante das atitudes dele.


E claro, Kiera... essa é um grande problema. Eu fiquei bastante feliz por não ter lido Intenso Demais, pois eu acho que iria querer matar essa menina. Ela se rendeu ao Kellan em um momento de tristeza pois seu namoro estava acabando. Sim, eu sei que era obvio que ela sentia algo por ele há muito tempo e sinceramente esse nem foi o problema e sim tudo o que aconteceu depois. Eu presumo que a maioria das pessoas que leram Rock Star já leram Intenso Demais, mas caso você tenha feito o caminho errado igual a mim pule as próximas linhas pois vai ter spoiler. Sério que ela ainda tentou manter a amizade com o garoto depois de tudo? E ainda querendo que era inocente... Meu Deus, eu realmente não me conformei. Ela traiu o namorado, ela quis segurar Kellan somente para si achando que estava tudo certo? Provavelmente nao foi isso que ela disse no livro dela, mas foi o que me pareceu nesse livro. E eu fiquei com bastante raiva dela por isso. Eu sempre falo sobre as mocinhas que são diferentes e fora do esteriótipos santas e claro que ela não entra nesse esteriótipo mas coloca-la nessa posição realmente foi algo bem incomodo e acredito que para muitas leitoras tenha sido. A mocinha nao precisa ser a santa mas tambem nao precisa ser adultera, saca? Eu até gosto daquelas que sao "safadas", "vagabundas" e tal porque eu até me identifico (kkk) mas adultera ja é demais. (fim do spoiler)


Me perdoe por falar mal assim dos personagens, principalmente se você é uma fã mas eu não ia conseguir falar que amei eles sem realmente sentir isso. E claro que com base na minha opinião sobre os personagens é fácil deduzir que eu não gostei do livro e não recomendaria para pessoas que passam raiva com os personagens da mesma forma que eu. Tudo depende de cada leitora e o que cada uma gosta. Eu indiquei a historia para uma amiga pois eu sei que ela vai adorar e se apaixonar por Kellan, mesmo com as coisas que são incomodas nele, entende? E essa que a beleza na leitura.

Nenhum comentário:

Postar um comentário