26/04/2017

Resenha: Cilada para um marquês - Sarah MacLean



Título:
Cilada para um marquês - Escândalos e Canalhas #1
Original: The Rogue Not Taken
Autor: Sarah MacLean
Editora: Gutenberg
Páginas: 320
Onde comprar: Saraiva
Sinopse:De todas as bobagens incríveis que ele já tinha visto as mulheres fazendo ao longo de sua vida, aquela era, sem dúvida, a pior.” Sophie Talbot é conhecida pela Sociedade como uma das Irmãs Perigosas – mulheres Talbot que fazem de tudo para se arranjar com algum aristocrata. O apelido chega a ser engraçado, pois se existe algo que Sophie abomina é a aristocracia. Mas parece que mesmo não sendo uma irmã tão perigosa assim, o perigo a persegue por todos os lugares. Quando a mais “desinteressante” das irmãs Talbot se torna o centro de um escândalo, ela decide que chegou a hora de partir de Londres e voltar para o interior, onde vivia antes de seu pai conquistar um título. Em Mossband, ela pretende abrir sua própria livraria e encontrar Robbie, um jovem que não vê há mais de uma década, mas que jura estar esperando por ela. No entanto, ao fugir de Londres, seu destino cruza com o de Rei, o Marquês de Eversley e futuro Duque de Lyne, um homem com a fama de dissolver noivados e arruinar as damas da Sociedade. Rei está a caminho de Cumbria para visitar o odioso pai à beira da morte e tomar posse de seu ducado. Tudo o que ele menos precisava era de uma Irmã Perigosa em seu encalço. O Marquês de Eversley está convicto de que Lady Sophie Talbot invadiu sua carruagem para forçá-lo a se casar com ela e conquistar um título de futura duquesa. Já Sophie tenta provar que não se casaria com ele nem que fosse o último homem da cristandade. Mas e quando o perigo tem olhos verdes, cabelos claros e a língua afiada? Essa viagem será mais longa do que eles imaginavam…


Mais uma vez estou eu aqui desmanchada de amores por uma narrativa da Sarah MacLean. Essa mulher sabe manter uma história interessante! Como já está tudo dito obre a história aí na sinopse - que é bem fiel ao conteúdo - não vou falar mais para evitar spoilers, então deixarei aqui minha impressão de leitura. 

Cilada para um marquês é mais um livro que mostra que Romances de Época não são necessariamente histórias sobre mocinhas bobocas querendo amor e rapazes libertinos que ficam presos apenas àquela que é um exemplo de pureza e amabilidade feminina.



Sophie é sim uma donzela, mas ela não está nem aí para a sociedade. Ela ama seu antigo lar, Mossband, e quer ter uma vida simples com amor de verdade. Por isso ela defende sua família e foge para viver do jeito que acha que deve e não como esperam dela.

Rei, o marquês, é um personagem com um passado intrigante e com motivações misteriosas, mas que se mostra diferente do ideal da época. Eles formam um casal sensacional, com cenas dignas de um filme de comédia romântica. A dinâmica entre eles é sem igual (me lembrou Callie e Gabriel). Eu ri horrores em algumas passagens, fiquei angustiada e quase chorei mais para o final, bati palmas para vários diálogos... foi uma experiência ótima!



Sarah também trabalha aqui pontos bem legais da história com personagens fictícios, como o médico que acreditava em bactérias (antes de se saber que elas existiam). Os personagens secundários são bem utilizados e cada um tem sua própria história, garantindo que as passagens com eles sejam interessantes também. Acabou que até os antagonistas são carismáticos à sua forma. 

A narrativa é rápida, passando por vários cenários e acontecimentos num período curto de tempo. Isso deu leveza às tramas e deixou o ritmo de leitura muito gosto. Eu terminei o livro num período de 12 horas. Parei somente para dormir, comer e tomar banho xD Sim, eu fiquei viciadíssima. A história é de derreter o coração e arrebatar nossas mentes nos convencendo a acompanhar a saga inteira da Sarah.



Sobre a edição: a capa é linda e a revisão está impecável. A diagramação tem leves retoques que combinam com o gênero e ficou elegante. Folhas são amareladas <3 A fonte e o tamanho estão agradáveis.

Cilada para um marquês é, portanto, um dos melhores livros do gênero que eu já li e tornou-se facilmente um dos meu TOP 5 Romances de Época. Qualquer fã do tema vai adorar lê-lo, assim como é ótimo para instigar os novos leitores a tornarem assíduos também. Eu vou com certeza ler o resto da série!




18 comentários:

  1. Olá!
    Ainda não li essa série da Sarah, mas já conheço a escrita da autora e me agrada muito a forma como desenvolve suas obras. Sou super fã de romances de época e estou bem curiosa pra iniciar essa leitura.
    Beijos!

    Camila de Moraes

    ResponderExcluir
  2. Ainda não li está série, mas já conheço a escrita da Sarah...e é apaixonante. Não tem como não amar e se encantar. Adorei sua resenha e quero muito conhecer esta também. Amo romances de época e sou suspeita em falar deles.
    Beijo

    ResponderExcluir
  3. 'não são necessariamente histórias sobre mocinhas bobocas querendo amor e rapazes libertinos' adorei esse trecho da resenha. 'o médico que acreditava em bactérias (antes de se saber que elas existiam).' também gostei dessa informação, na verdade, pela resenha, fui recordando de alguns clássicos da literatura.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E para que servem os clássicos senão para serem revisitados e referenciados? :D

      Excluir
  4. Esta nova leva de Romances de época passam mesmo longe daquelas mocinhas bobocas... O que eu agradeço e muito, pois elas me irritam tanto...
    Me encantei com o casal e como fã dá autora e do gênero, só posso recomendar a leitura.
    Bjs Rose

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai, fico irritadíssima também. Eu só gosto da Daphne mesmo pq é impossível não curtir ela hahaha

      Excluir
  5. Tenho um fraco por romances de época. Amo! Ainda não li nada da Sarah, mas estão na minha lista! Ahhh se eu tivesse todo o tempo do mundo. Kkk
    Obrigada pela dica
    Bjsss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A Sarah é maravilhosa! Gostei dela mais do que da Loretta, e olha que a Loretta manda muito beeeeem xD

      Excluir
  6. Oi Grazi,
    Com certeza vou anotar a dica de leitura no skoob. Já faz um tempo que estou querendo me aventurar na leitura de romances de época. Depois que você disse que o livro foge aos padrões dos romances de época, com donzelas em perigo que querem se casar e os homens libertinos, já me interessei pela história. Tomara que eu não chore no final. rsrs
    Beijos
    Blog Relicário de Papel

    ResponderExcluir
  7. Olá, tudo bem? Adoro romances de época, e a Sarah é uma das minhas autoras favoritos justamente pelo seu ponto levantado: as mocinhas não são bobas. Leia Clube dos Canalhas, é uma das melhores séries dela. Adorei a resenha,e como já tinha lido livro foi bom rever pontos que amei <3
    Beijos,
    diariasleituras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Clube dos Canalhas é a segunda série da wishlist xD Perdendo apenas para o Quarteto Smythe-Smith hahahah

      Excluir
  8. Sou louca para ler esse livro. Acho a capa dele linda e a premissa me parece ser muito envolvente. Gostei de saber a sua opinião sobre ele.

    ResponderExcluir
  9. Olá, não conhecia a obra e curti muito as imagens que você colocou na postagem.
    Eu confesso que sou uma péssima fotografa, kkkkk

    Vou anotar a dica.

    Beijokas da Quel ¬¬

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aaaah, nem eu sou hahaha Mas tento usar a câmera do celular do meu pai que é melhor e imagens mais limpas possíveis. Não sei como montar com coisas demais hahaha

      Excluir
  10. Oii, tudo bem?
    Amoo romances de época e tenho muito interesse nos livros da Sarah MacLean. Fico mais feliz ainda em saber que não tem essas personagens sonsas no livro, haha. Muito obrigada pela dica.
    Anotadinha aqui.

    ResponderExcluir
  11. Confesso que não conhecia a autora, e muito menos o livro, porém a premissa da história me deixou curiosa. Adorei a sua resenha, está muito bem escrita, e as fotos escolhidas, compartilhando os detalhes do livro.

    Beijos,
    www.paginasincriveis.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Tenho uma grande curiosidade em conhecer essa autora, vejo muitos comentários positivos sobre ela.
    Mas li um romance de época de outra autora e achei muito cansativo, fiquei com pé atras de adquirir outros.
    Gostei da sua opinião, mas ainda tenho dúvidas sobre o gênero.

    ResponderExcluir
  13. O que achei interessante foi os personagens secundários terem suas próprias histórias e até os antagonistas serem carismáticos de algum jeito. Mas não me interessei pela leitura, romances de época não me atraem muito.

    ResponderExcluir