15/05/2017

Resenha: Opala

Título: Opala (Saga Lux #3)
Autor(a): Jennifer L. Armentrout
Editora: Valentina
Páginas: 416
Ninguém é igual ao Daemon Black. Quando ele prometeu que iria provar seus sentimentos por mim, não estava brincando. Nunca mais vou duvidar dele. E agora que conseguimos finalmente aparar nossas arestas, bem... Tem rolado muita combustão espontânea. Mas nem mesmo ele pode proteger a família dos perigos de tentarem libertar aqueles que amam. Depois de tudo o que aconteceu, já não sou mais a mesma Katy. Tornei-me uma pessoa diferente... E não sei bem o que isso vai significar no final. Quanto mais nos aproximamos da verdade e nos colocamos no caminho da organização secreta responsável por torturar e testar os híbridos, mais me dou conta de que não existe limite para o que sou capaz de fazer. A morte de um ente querido continua afetando a todos, a ajuda surge do lugar mais improvável, e nossos amigos irão se tornar nossos piores inimigos, mas não podemos voltar atrás. Mesmo que com isso estejamos arriscando destruir nosso mundo para sempre. Juntos somos fortes... e eles sabem disso.
Finalmente saiu o terceiro livro da Saga Lux no nosso amado Brasil. ♥ Depois daquele final de Ônix eu fiquei bastante ansiosa para saber o que aconteceria no terceiro volume e já adianto que não fiquei decepcionada, apesar de ter algumas ressalvas.

Ao contrário de Ônix o relacionamento de Katy e Daemon esta muito mais concreto, eles fazem um casal maravilhoso com suas diferenças de personalidade. Katy tem uma personalidade forte, não se deixa levar pelas coisas que Daemon faz ou fala e mesmo quando algo a afeta ela trata de levantar a cabeça e até mesmo confronta-lo. Eu sinto nela um grande esforço da autora de criar uma personagem girl power em desenvolvimento (afinal, ela é adolescente). Daemon continua o mesmo que todas amam (outra não gostam tanto, né? rs). Ele ainda tem essa auto estima enorme e sempre muito dono de si. A unica coisa que incomoda levemente no personagem é que algumas vezes ele é muito protetor, com essa coisa de eu sou alien, eu sou o forte, eu sou o homem mas como eu falei, Katy não se deixa levar por isso tão facilmente.

Para mim o problema de Opala é que é um livro muito extenso para assuntos que se repetem a praticamente todo o momento. A sinopse não entrega muito o que o livro conta, mas basicamente eles debatem o livro inteiro sobre os perigos do resgate de certo personagem. Sim, entendo que é importante essa discação mas senti uma falta de respiro nisso, sabe? Como por exemplo quando Katy conta de alguma tarde que ela passou com a mãe. Para alguns seria desnecessário ela contar algo que fez com a mãe em muitos detalhes, mas para o tanto que ela enfatiza o que sente pela sua mãe é até meio chato não ter essa interação das duas. É só um detalhe que talvez tenha incomodado somente a mim, mas ok certo? haha
A volta de um personagem pode deixar alguns leitores com raiva, principalmente depois das coisas que ele fez; mas eu insisto que ainda gosto desse garoto mesmo com seus defeitos. Ele é como a Katy, mas todos o vêem como algum tipo de vilão por causa das coisas que ele faz por quem ama ou tem grande estima. Confesso que fiquei com raiva dele no fim, mas não consigo odia-lo por nada nesse mundo. Mais uma vez a autora prestigia (ou tortura) os leitores com um final de arrancar os cabelos, deixando-nos curiosos sobre o que irá acontecer. A sorte é que Valentina já informou que no segundo semestre teremos essa continuação. ♥

13 comentários:

  1. Olá!
    Eu comprei essa Saga no mês passado e estou doida pra iniciar.
    Fico contente que não decepcionou mesmo tendo sido uma leitura arrastada em alguns pontos.
    Espero curtir a leitura, estou bastante curiosa.
    Adorei suas considerações!
    Beijos!

    Camila de Moraes.

    ResponderExcluir
  2. Oii, tudo bem?
    Tenho vontade de ler essa obra há algum tempo, mas depois de ler sua resenha fiquei um pouco desanimada. Não sei se curtia o fato da personagem ser estilo power girl. Gosto de personagens assim, mas alguns são bem forçados e o fato dos assuntos repetidos me incomodaria.
    Acredito que não seja um bom momento para ler essa série, então, vou passar a dica.

    ResponderExcluir
  3. Sou louco para ler essa série! Li um livro de romance da autora recentemente, o que aguçou ainda mais o meu desejo por essa série. É um pouco chato mesmo quando se repete muito algo na história. Espero que a continuação seja ainda melhor que esse!! Espero poder lê-la em breve! Beijos!

    ResponderExcluir
  4. Eu ainda não li nenhum dos livros dessa série mas morro de vontade. Eu acho a premissa muito interessante e não vejo a hora de ler. Gostei de ver a sua resenha e saber a sua opinião sincera sobre a leitura.

    ResponderExcluir
  5. Passei por cima, ainda não li o segundo e não quero estragar a leitura! Acho essa série cheia de clichês mas ao mesmo tempo divertidíssima!
    Beijos
    Mari
    www.pequenosretalhos.com

    ResponderExcluir
  6. Oi Silviane,
    Gostei muito da sua resenha. Mesmo sem ter lido os outros livros consegui entender bem como a história acontece nesse livro. Infelizmente não consigo me sentir atraída pela série. Já li diversas resenhas positivas, mas acho que a série Obsidiana não é pra mim.
    Beijos
    Blog Relicário de Papel

    ResponderExcluir
  7. Oi, tudo bem? Confesso que adorei a sua resenha e que vontade de começar a ler essa série é o que não falta, pois a premissa dela é fantástica. Espero poder estar realizando a leitura em breve.

    Beijos,
    www.paginasincriveis.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Oie amore,
    Que resenha bárbara e essa foto - parabéns!
    Não conhecia o livro até então mas já me interessei por aqui!
    Beijoka!

    ResponderExcluir
  9. Oi!
    Li sua resenha meio por cima porque quero muito ler os primeiros livros e fiquei com medo de receber spoiler rsrs Sempre acho que mesmo quando não contam o final às vezes tem algum detalhe que acaba escapando do outro livro...
    Conheci a autora quando encontrei por acaso o livro Half-Blood.
    Mas enfim, adorei a forma como você escreveu sobre o livro e fico contente que a obra não tenha te decepcionado.
    Estou mega curiosa para começar a ler e espero que possa adquiri-lo em breve :)
    Beijos :*

    ResponderExcluir
  10. Oi Silviane, que bom que mesmo com algumas ressalvas, valeu a pena a leitura. Esta série eu não li ainda, mas quero. Estes finais que nos deixam com o coração na mão, é só para judiar né?
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  11. Oie gostei do livro, porém o livro realmente chato quando fica repetitivo. Porém gostei da capa
    bjs

    ResponderExcluir
  12. Nossa, tenho uma curiosidade enorme por esses livros! Muito bom saber que, mesmo com alguns parênteses, a leitura vale a pena! Adoro todas as capas dessa trilogia!

    bjs
    www.livrosdabeta.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  13. Que bom que você não ficou decepcionada. ‘personagem girl power em desenvolvimento’ primeira vez que vejo esse termo. ‘Para mim o problema de Opala é que é um livro muito extenso para assuntos que se repetem a praticamente’ certamente esse também seria um grande problema para mim, além de me parecer bem adolescente a história de forma geral.

    ResponderExcluir